Por que a inclusão ainda é vista como burocracia?

Diante do episódio envolvendo o dono das lojas Havan, achei pertinente fazer uma reflexão sobre o porquê de muitas pessoas ainda acharem que o processo inclusivo é  mera burocracia.

Antes de responder a essa pergunta, é preciso compreender o que faz com que certas regras se tornem especiais a ponto de serem convertidas em leis? Por que necessitamos de regras que todos devem obedecer? Em resumo, para que servem as leis?

Continuar lendo