Uma vida Feliz! Parte 2

Por Luciene F. Cazassus Arantes

E hoje vamos dar continuidade a série: Uma Vida Feliz que iniciamos aqui!

Quando o Caiquinho nasceu, o que se mostrava mais urgente era a avaliação do seu
coraçãozinho. Então, marcamos uma primeira avaliação, na qual foi constatada a Tetralogia de Fallot (uma má formação congênita do coração). Nossa, que desespero eu fiquei! E agora, como seria?!

IMG_3594

Os médicos indicaram apenas acompanhar no 1º. ano, pois era muito ele pequeno e magrinho, então era necessário que ganhasse peso antes de operar e assim o fizemos… Não foi indicado o uso de quaisquer medicação.

Outro exame que foi feito após o seu nascimento foi o cariótipo (exame que analisa a quantidade e estrutura dos cromossomos em uma célula) para nos certificar da presença da Síndrome de Down (A síndrome de Down é causada pela presença de três cromossomos 21 em todas ou na maior parte das células de um indivíduo. Isso ocorre na hora da concepção de uma criança. As pessoas com síndrome de Down, ou trissomia do
cromossomo 21, têm 47 cromossomos em suas células em vez de 46, como a maior parte da população. Veja mais aqui!).
Lembro-me da angústia que foram os dias até a chegada do resultado, tantos pensamentos se passavam em minha cabeça… Será que é mesmo Síndrome de Down? Não, vai ver que não, os médicos não afirmaram nada… E se for?!?! Nossa que sofrimento…Apesar de conhecer e sempre ter amado essas crianças, agora era o meu filho! Tinha tantos sonhos para ele…Minha mente fervia…Meu coração sofria… E ele ali comigo, tão indefeso, precisando de nós… Apesar de todo turbilhão de emoções em que vivíamos, íamos nos dando ao máximo à ele.

IMG_3596

Bem,vocês recordam de eu ter contado que o médico me disse que ele não iria mamar? Pois é, fui teimosa, já era o terceiro filho, bati o pé e não acreditei…Então, resolvi arriscar: como estava no hospital, sob cuidados médicos as enfermeiras traziam a mamadeira e sabem o que eu fazia? Jogava o leite da mamadeira  fora e ficava tentado fazê-lo mamar!

Como o Caiquinho nasceu de 8 meses, não havia acordado ainda,então eu insistia, tentava com a ajuda das enfermeiras, passava mel, e elas perguntavam:  – Está dando a mamadeira mamãe? Ao que eu prontamente respondia que sim, mas na verdade estava jogando tudo na pia. Elas faziam o exame de glicose várias vezes no dia e sempre dava normal, o que me dava mais confiança na minha decisão. No final do primeiro dia ele começou a chorar… É lógico estava com fome e  adivinhem: ele pegou o peito e mamou, mamou e mamou!

 

E essa foi a nossa primeira vitória!

 

 

13 comentários sobre “Uma vida Feliz! Parte 2

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s